domingo, 3 de dezembro de 2006

Objectivo não cumprido mas PB batido!


Fiquei longe das 2h38'14 que me tinha proposto fazer! Contudo, bati o meu PB, em 2'03". Agora é de 2h42'37". 15º da Geral e 10º no Escalão entre 685 terminadores. Estou satisfeito!

Num dia complicado, com vento e muita humidade, a parte muscular impediu um melhor desempenho. O vencedor, Luis Jesus (com 2h08 em Paris, ainda em Abril passado) ganhou com 2h21. Isto diz bem da pouca qualidade das marcas obtidas na manhã de hoje.

Saí procurando não me desgastar, mas depressa percebi que seria impossível seguir num grupo, se quisesse manter o andamento nos 3'45/Km. Assim, até cerca dos 8Kms de prova, fui apenas na companhia de outro atleta, condicionado pelo seu andamento. Surgiram então o Miguel Graça e o Rui Campos, passando o grupo para 4 elementos, o que me permitiu resguardar-me um pouco mais.

A Almirante Reis é sempre uma dificuldade acrescida tanto a subir como a descer. Foi também nessa altura que caiu uma pancada de água que em nada nos ajudou. Quando passei à meia, no Terreiro do Paço, sentia já as pernas algo fatigadas.

Mantivemos o ritmo passando pelos atletas que haviam iniciado a meia-maratona cerca de 1h15' mais tarde. Ainda não formei a minha opinião, sobre se este formato, com a partida meia-maratona 1h15 mais terde, é uma boa ou má medida. Pelo menos há alguém que nos dirige uma palavra de ânimo... Quanto muito, vale por isso!

Ao Km32 o andamento caiu para perto dos 4'/Km. Pensei que se quisesse uma marca melhor do que a que levava tinha de arrancar sózinho... e lá fui, peito ao vento, disposto a fazer os tais 10Km depois de 30Km de aquecimento, como alguém um dia me definiu a Maratona.

Fica um agradecimento especial ao Rui Campos e ao Miguel Graça, os Monstros que me ajudaram até perto do Km 32 e para o Paulo Lamego e Pedro Amaral, que estando ambos a competir na Meia, comprometeram o seu desempenho pessoal para me acompanharem nos últimos 7 Kms. E também para o Ricardo Francisco que não poupou as palavras de incentivo desde o meio do público.

Não me podia esquecer do Mister! De facto ele é o grande motor de tudo isto e faço votos para que o seu pé, fique como novo, o mais depressa possível!

Do próximo projecto dar-vos-ei conta por aqui brevemente! Adianto que será algo em grande! Muito em grande!

2 comentários:

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Parabéns pela Maratona! E pelo blog.

Agradeço o link para o da maria.

Em breve retribuo.

Continuação dessa força de vontade!

Carlos Lopes disse...

Parabéns pela sua prova. Eu vou tentar chagar na casa das 3h30m. esta será a minha 1º Maratona.